Apenados cavam túnel interligando duas celas, mas tentativa de fuga é frustrada

Agentes penitenciários descobriram o túnel nesta terça-feira
Publicado em: 05 de Dezembro de 2017

Apenados cavam...

A tentativa de fuga foi frustrada na manhã desta terça-feira (5), a última etapa do túnel de aproximadamente um metro e meio de profundidade (1,50) estava pronta, restando apenas perfurar a parede para ter acesso ao lado externo da cadeia.

Uma corda artesanal que recebe o nome de “Teresa” também estava pronta e seria usada para os presos transpor o muro e ganhar as ruas.

O buraco foi aberto na cela 12, no lugar de uma cama chamada de “jega”.

Para interligar as celas, um buraco foi aberto na parede do banheiro, dando acesso a cela 11.

Caso os apenados tivessem êxito em conseguir fugir, seriam mais de 30 presos nas ruas, boa parte deles de alta periculosidade.

Conforme as declarações do diretor do presídio Fabiano Cardoso, os agentes estavam desconfiados da atitude dos presos das celas 11 e 12.

Ao proceder com uma revista descobriu o túnel, o buraco interligando a celas, os sacos feitos com lençóis para esconder a terra, e a corda artesanal.

Os lideres da tentativa de fuga e os demais apenados foram transferidos para outras celas, e depois de constatado a participação serão transferidos para outras unidades prisionais em outros municípios.


Fonte: Claudinei Sorce DRT/RO