Tribuna Livre
Tribuna Livre

Coluna

Educação como processo permanente

TRIBUNA EM FOCO 28/04/2017
Publicado em: 29 de Abril de 2017

A Educação é um processo permanente, requer paciência, dedicação diária, vem do berço sim, pois os pais são os primeiros naturais educadores. A família é a base. É no ambiente de casa que deve começar o processo, porque tudo o que vemos, ouvimos, fazemos, assimi-lamos um tipo de conhecimento, que pode ou não ser aprimorado. Depende de nós saber o que fazer com o que vivemos e aprendemos. Mesmo depois na escola, desde o ensino fundamental e médio, nos preparamos não apenas para prestar um vestibular, mas para a vida. Não aprendemos também só na escola, mas na rua, com os amigos, nas instituições que frequentamos, na igreja, no clube, nas mais diversas atividades que realizamos. O aprendizado da vida é constante,  e não é só técnico, mas deve ser, acima de tudo, aprendizado humano, especialmente no relacionamento com as pessoas, porque também todo nosso trabalho depende disso, de como nos relacionamentos com o próximo.
As inovações tecnológicas também ajudaram bastante, tanto professores quanto alunos. As aulas hoje podem e devem ser muito mais interativas e dinâmicas, tanto aluno quanto professor possuem acesso a muito mais informações do que há vinte anos. Não apenas a pesquisa, mas ainda as trocas de informações, principalmente nas redes sociais se tornaram relevantes no processo. Tudo isso exige mais, requer mais preparo, porque é preciso saber ler todas estas informações, saber interpretá-las e buscar um conhecimento que seja pautado na realidade, com objetividade, em todos os aspectos.
Por tudo isso, vivemos hoje tempos desafiantes, sempre promissores, na medida em que há muito mais possibilidades, daí é preciso saber valorizar esse processo, em todas as fases, para que a educação realmente aconteça em favor da pessoa humana, no desenvolvimento das potencialidades de cada um, homem e mulher, na sociedade plural e diversificada de hoje, e requer uma cada vez maior capacidade de inte-ração. Por isso dissemos que os tempos são desafiantes e promissores, para quem souber colher o que há de melhor no processo permanente da Educação.
 
* Valmor Bolan é Doutor em Sociologia e Especialista em Gestão Universitária pelo IGLU (Instituto de Gestão e Liderança Interamericano) da OUI (Organização Universitária Interamericana) com sede em Montreal, Canadá e Representa o Ensino Superior Particular na Comissão Nacional de Acompanhamento e Controle Social do Programa Universidade para Todos do MEC.”.

Mais de Tribuna Livre